TERROR, NO MUNDO E EM CASA

#JeSuisParis… Pena que não é por sua beleza, por sua cultura, por sua arte, por sua culinária, por seu turismo, por sua história. O mundo chora pela França, assim como chorou pelos EUA em 2001, e por tantos outros países e povos por tanto tempo.france

Nas últimas décadas a maior desculpa é sempre o islamismo, mas há outras, infelizmente.

Talvez tenha gente que ache que eu não deva me preocupar tanto com o resto do mundo quando dentro do nosso próprio país morrem mais pessoas por dia que morriam durante a guerra no Iraque. Tragédias ambientais estão destruindo nossa própria terra.

Mas uma coisa não substitui ou desvalida a outra. Agora mesmo a pauta é o terrorismo, daqui a pouco entro no âmbito nacional.

Se fizermos uma breve pesquisa na Internet, vamos encontrar vários ataques terroristas só no ano de 2015 – só na França foram 5 ou 6 desde o começo do ano. Entre os que “mereceram” sair no noticiário internacional, encontrei 32 deles em poucos minutos, isso sem contar as decapitações e os fuzilamentos realizados pelo Estado Islâmico. Aqui tem um link para eles: ATENTADOS.

Aí voltamos para “casa” e vemos horrores por aqui. Uns sendo encarados já como comuns à vida dos brasileiros: descasos, roubos, assassinatos, tráfico, arrastões, impostos, corrupcão. Notícias que inundam nossos jornais diariamente e que se apertarmos muito as folhas deles, deve pingar sangue!

Politicamente o país está um caos. Financeiramente, uma tragédia. Jurídicamente nem se fala! E por causa de tudo isso, pela falta de seriedade de nossas autoridades, pela corrupção das instituições que deveriam proteger nosso país e a nós, seu povo, mais e mais tragédias acontecem.

Acredito que o maior problema é mesmo a corrupção e a ganância que levam que nosso país sofra. Desde o desmatamento ilegal e descontrolado da Amazônia, à contaminação dos rios e praias, Petrolão, escândalos políticos, enriquecimento e ostentação em geral. Olho grande, barriga pequena. Não foi sempre assim no Terceiro Mundo?

Agora mesmo Minas Gerais sofre o maior desastre ambiental de sua história. Não é o único, apenas é tão grande que não pode ser encoberto: o ddesastreesastre da barragem da empresa Samarco Mineração de propriedade da Vale e da BHP Billiton. A Samarco sempre foi uma empresa comprometida com seus funcionários e os terceirizados, com suas comunidades, com o meio ambiente. E de repente, vemos esta empresa que antes servia como exemplo de mineração feita com consciência, virar manchete por um desastre que leva a crer, infelizmente, que um crescimento muito grande em pouco tempo a levou a “despreocupar” com seu bem mais importante: funcionários, comunidades e meio-ambiente.

Sempre soube que esta empresa é séria e responsável e acredito que desta vez não tentará fugir de todas as suas responsabilidades nesta tragédia. Se não agir desta forma será a minha maior decepção com uma empresa privada que eu acredito conhecer profundamente.

Mas os anos passaram. A empresa quadruplicou. O que será que ainda mantém dos seus estatutos iniciais, dos seus primórdios?

E para completar, vem o governo tirar proveito da desgraça do seu próprio povo. Dilma NÃO visitou o epicentro desta tragédia, Mariana, MG. Mas sim Governador Valadares porque a prefeita é do PT. E bem sabemos que as multas e o dinheiro apreendido da empresa pelo governo não vai chegar a quem precisa, as vítimas.

Esperança? Ainda é uma palavra que faz parte do meu vocabulário em relação a este país e ao mundo, mas cada vez ela fica mais próxima da palavra decepção.

Share on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on Google+Email this to someonePrint this page

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *